sexta-feira, 24 de abril de 2009

Di Cavalcanti :: As Cores do Brasil


*


Mulata #1 ( Marina Montini)


Autorretrato Com Mulata


Abigail


Ivete


Gafieira


Samba


Rio de Janeiro Noturno


Caribe


Clarisse


Mulata # 2


Mulata # 3 ( Marina Montini)


Inconfidência


Independência


Colônia de Pescadores


Retrato de Abigail


Subúrbio do Rio de Janeiro


Mulata com Pássaro



Duas Mulatas



Autorretrato

*

Emiliano Augusto Cavalcanti de Albuquerque e Melo (1897 /1976) , nasceu no Rio de Janeiro e adotou inicialmente o nome artístico de Didi Cavalcanti. Depois passou a assinar simplesmente Di Cavalcanti .

"Di Cavalcanti conquistou uma posição única na pintura brasileira. Sem se prender a nenhuma tese nacionalista, é sempre o mais exato pintor das coisas nacionais. Não confundiu o Brasil com paisagens e em vez do Pão-de-Açúcar pintou telas com o tema samba, em vez de coqueiros, retratou mulatas, pretos e carnavais . Analista do Rio de Janeiro noturno, satirizador das nossas taras sociais, amoroso contador das nossas festinhas, mulatista-mor da pintura, este é o Di Cavalcanti de agora... " ( Mário de Andrade ) .
*

Durante sua vida produziu cerca de 5.000 obras. Segundo alguns críticos Di Cavalcanti não foi um artista preocupado com realização de obras primas , até porque não era do seu temperamento essa preocupação com o perfeccionismo. Isso ele mesmo comentou com Mário de Andrade, numa carta de 1930:

"Mário, felizmente eu não me apresso, não quero nunca realizar obras-primas como quis o Brecheret, o Villa e mesmo já o Celso Antonio, o que acontece é que eles, sem autocrítica, já estão paus. E eu me sinto de uma mocidade comovente (...) " .

O pintor morou na França por um breve período e vivia alternadamente entre São Paulo e Rio de Janeiro. Sua obra percorreu o Brasil e o mundo, expondo também no Uruguai, na Argentina, no México , nos Estados Unidos e na França.

*
A mulata

Segundo Mário de Andrade Di Cavalcanti foi o 'mulatista-mor da pintura nacional ' . Será que o artista aceitava de bom grado a denominação, que lhe foi dada, de Pintor das Mulatas? É provável que sim:

"A mulata, para mim, é um símbolo do Brasil, ela não é preta nem branca, nem rica nem pobre. Gosta de dança, gosta de música, gosta do futebol, como o nosso povo. Imagino ela deitada em cama pobre como imagino o país deitado em berço esplêndido "( Di Cavalcanti ) .


***


Adorei fazer o post e saber mais sobre a arte brasileiríssima de Di Cavalcante. As imagens foram "pescadas" no Google Imagens e no Site Oficial . O texto foi resumido e adaptado da obra " 500 Anos de Pintura no Brasil " .

Apesar de ser considerado o pintor das mulatas , quando esteve em Paris Di Cavalcanti retratou algumas francesas loiras . A tela 'Clarisse ' é dessa fase . Ele adorava fazer retratos de mulheres e as mulatas com certeza eram suas preferidas. Particularmente não gosto da palavra "mulata", acho um pouco pejorativa e preconceituosa, pois é derivado de mula. Prefiro dizer mestiça ou morena, mas confesso que ainda falo mulata uma vez ou outra.

Acho sensacional a mestiçagem que ocorre no Brasil e dizem os esoteristas teosóficos que aqui está florescendo uma nova raça , a 6ª raça-raiz ,que é uma mistura de todas as outras raças. " A verdade é que não há no mundo inteiro gente mais bonita que o povo brasileiro " .


Saiba mais sobre raça-raiz (ou raça-mãe) e a gênese da humanidade segundo a teosofia aqui e aqui

*

Conheça mais sobre a vida e obra de Di Cavalcanti aqui

*

6 comentários:

Anônimo,  24 de abril de 2012 21:24  

CADA IMAGENS LINDA UMA MAIS BONITA QUE A OUTRA .

Anônimo,  20 de junho de 2012 15:25  

podia colocar mais obras

mais ficou maravilhoso

Anônimo,  5 de julho de 2012 14:23  

q coisa mais feia orrivel

Anônimo,  22 de agosto de 2012 22:00  

adorei as obras dele e a maneira como ele retrata o brasil através da arte.

Luana 12 de abril de 2013 15:22  

Um Brasil brasileiro, de cores e sensualidade, de música e contrastes. Belíssimas obras.

Postar um comentário

Deixe seu comentário

  ©layout by layla para Arte Ilumina a Vida.